Quinta-feira, 12 de Junho de 2008
Cartaz



Publicado por UrbanPlan às 10:18
Link da Notícia | Comentar | Adicionar a favoritos
|

Sábado, 24 de Maio de 2008
Lamego vs Régua

   Uma ideia UrbanPlan.

   Desde 12 de Março de 1829 que se realiza no Rio Tamisa uma corrida de barcos a remo entre as Universidades de Cambrige e de Oxford, atraindo às margens do rio uma multidão com cerca de 250 000 pessoas .

   As cidades de Lamego e da Régua têm em comum o Rio Douro e as festas. As festas do Socorro na Régua terminam em Agosto e as festas dos Rémedios em Lamego começam no mesmo mês.

   Uma prova no Rio Douro funcionaria como uma passagem de testemunho entre estas duas cidades.



Publicado por UrbanPlan às 13:11
Link da Notícia | Comentar | Adicionar a favoritos
|

Segunda-feira, 24 de Março de 2008
Casa de Sto. António

 A Casa de Stº António e a Quinta de Stª Cruz situam-se em Britiande , vila do concelho de Lamego, entre Lamego e Tarouca, remonta a tempos anteriores a D. Egas Moniz.

Uma paisagem essencialmente agrícola, aonde predominam as arvores de fruto, como a macieira , pereira e cerejeira, para além da vinha.

Esta casa de fachada quinhentista, foi em tempos lugar de repouso dos Monges Franciscanos do Convento de Ferreirim .


Fez parte dos oito Morgadios existentes em Britiande .


Na família desde final do séc. XIX, foi restaurada nos finais do séc. XX, estando hoje em Turismo de Habitação. 

                  

                                                                                                

 

 

 

A família Pinto Ribeiro tem ao dispor 5 quartos, Piscina, sala privativa para os hospedes, Capela, Bicicletas e Jardins.

 

A proximidade do Vale do Douro oferece a tranquilidade das majestosas paisagens da região de Lamego, melhoradas pelo repouso sereno destas paragens e a descoberta de verdadeiros tesouros do património nacional dos séculos VII ao XVIII. 

                  

            

 

 

 

 

 

   

O grupo URBANPLAN  julga importante a existência de mais empreendimentos deste género (Turismo Rural) porque a nossa região para além de ser naturalmente bonita e sossegada ainda tem a vantagem de ter uma escola de hotelaria, que fornece excelentes profissionais aos proprietários das quintas, para receberem bem com a simpatia natural das gentes do douro e com o saber fazer da arte hoteleira.

 

É de incentivar outros proprietários de quintas ou casas senhoriais a seguirem este exemplo, porque para alem de Lamego ter boas condições para a implementação destes empreendimentos, verificamos cada vez mais que os nossos turistas são séniores  de classe média alta onde a qualidade vem primeiro.

 

Visite o sitio: http://www.casastoantoniobritiande.com/


tags:

Publicado por UrbanPlan às 09:42
Link da Notícia | Comentar | Adicionar a favoritos
|

Domingo, 23 de Março de 2008
Caves da Raposeira

O prestígio dos vinhos da região de Lamego remonta ao século XVI e foi definitivamente consagrado com a produção dos espumantes Raposeira, empresa fundada há mais de 100 anos.

Estudos então realizados pelos seus proprietários na famosa região de Champagne, em França, e uma série de experiências levadas a cabo em terras lamecenses pelos mesmos permitiram criar a personalidade de alguns dos mais consagrados espumantes portugueses.

 

Lamego, foi, assim, terra-mãe deste néctar que foi buscar às castas originais de champagne a sua matéria prima mas que se afirmou como um produto de carácter bem nacional.

  

Ao longo dos tempos, a Raposeira conquistou uma posição sólida nos mercados graças à elevada qualidade dos espumantes produzidos. Essa qualidade valeu-lhe a liderança quase permanente do sector a nível nacional.

É com extremo cuidado que a Raposeira selecciona, transporta e vinifica as uvas. Cada etapa de produção é acompanhada de perto pelos enólogos, cujo saber científico consolida um século de experiência acumulada.

 

A segunda fermentação efectua-se em garrafa segundo o método tradicional champanhês, ou método clássico. Assim, o vinho e os fermentos naturais desenvolvem um cuidadoso processo de evolução em que as condições de humidade, luz e temperatura são fundamentais.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

 

    As operações de “remuage”, “degorgement” e licorização, sempre pelas mãos de quem sabe, completam o processo de criação destes espumantes e dão-lhe o toque final de distinção.

Os espumantes Raposeira guardam o carácter intenso da região Beira-Douro, sublimam o sabor inconfundível dos seus néctares e são o fruto da persistência da sua gente.

Visite o sitio: http://cavesdaraposeira.com



Publicado por UrbanPlan às 11:09
Link da Notícia | Comentar | Adicionar a favoritos
|

Sábado, 22 de Março de 2008
Escola de Hotelaria e Turismo de Lamego
O Núcleo Escolar de Lamego (NEL) foi criado em 2000 ao abrigo de um protocolo de colaboração entre a Câmara Municipal de Lamego, a região de Turismo do Douro Sul e a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Região Norte.
Em 2006/2007, mudou-se para as novas instalações na Quinta de S. Carlos, passando a denominar-se Escola de Hotelaria e Turismo de Lamego (EHTL).
 
A EHTL é composta por 3 edifícios, o primeiro onde funciona a escola, o segundo onde funciona o internato e ainda um outro denominado Casa do Embaixador, onde funcionará um Hotel de Aplicação e Restaurante.
É um dos maiores investimentos concretizados no concelho de Lamego e o maior na área da formação.
Actualmente a escola tem a seu cargo cerca de 140 alunos, repartidos por 3 cursos( Hotelaria e Turismo, Restaurante/Bar e Cozinha).
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
           

Preparar jovens para o exercício das profissões de Empregado de Mesa e de Bar, com competência para efectuar o serviço em estabelecimentos de restauração e bebidas, integrados ou não em unidades hoteleiras.

Duração:

3 anos

Requisitos:

- 9º Ano Escolaridade

- Prova de Aferição

- Entrevista

Certificação:

-  Diploma com equivalência ao 12º Ano

- Certificado de Formação Profissional (nivel III)

- Certificação Profissional para o acesso à profissão de Empregado de Mesa e Barman.

 

Preparar jovens para o exercício das profissões de Cozinheiro, com competência para preparar, confeccionar e apresentar refeições completas em estabelecimentos de restauração e bebidas, integrados ou não em unidades hoteleiras.  

Duração:

3 anos

Requisitos:

- 9º Ano Escolariedade

- Prova de Aferição

- Entrevista

Certificação:

- Diploma com equivalência ao 12º Ano

- Certificado de Formação Profissional (nivel III)

- Certificação Profissional para o acesso à profissão Cozinheiro.

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

Preparar jovens para o exercício das profissões de Recepcionista de Hotel e de Governante de Andares, com competencia para efectuar o serviço de alojamento em estabelecimentos hoteleiros.

Preparar ainda jovens para o exercicio das profissões de Agente de Viagens e Animador Turistico, com competência para trabalhar no sector de Turismo

Duração:

3 anos

Requisitos:

- 9º Ano de Escolariedade

- Prova de Aferição

- Entrevista

Certificação:

-  Diploma com equivalência ao 12º Ano

- Certificado de Formação Profissional (nivel III)

- Certificação Profissional para o acesso à profissão de Agente de Viagens, Recepcionista ou animador Turistico. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Visite o blog: http://ehtlamego.blogs.sapo.pt


Publicado por UrbanPlan às 11:39
Link da Notícia | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar a favoritos
|

Sexta-feira, 21 de Março de 2008
Região de Turismo Douro-Sul

O Vale do Douro, compreendido entre Barqueiros e a fronteira, é fruto dos prodígios da natureza, mas também do esforço e da energia despendida pelo homem na sua transformação. A vinha que gera as castas do célebre Vinho do Porto é a causa e a razão maior de todo este árduo trabalho.

 Séculos de labuta, fadiga e suor humano, desventraram a terra, removeram o xisto maciço, moldaram os muros e patamares de socalcos para arrimar as videiras, erguendo esta obra colossal, que Marquês de Pombal recompensaria, no século XVIII, com o título de primeira Região Demarcada do mundo.

De soberbo clima mediterrânico, o Vale é um enclave quente e seco, propício à cultura da vinha, da oliveira, da amendoeira e de frutos como a cereja, o figo, o pêssego, a laranja, a maçã... A paisagem a perder de vista é tão heterogénea, que ora só se avistam vinhedos e socalcos, como no coração do Douro, até ao Tua, ora vegetação espontânea e agreste enche todo o horizonte como acontece no Douro Superior.

 Por todo o lado, solares, casas de quinta e testemunhos de povos errantes e de culturas diversas marcam de forma indelével a paisagem. São exemplos disso, o Vale do Côa que encerra em si o maior e mais belo parque de arte rupestre do mundo, a visigótica Capela de S. Pedro de Balsemão, do século VII, em Lamego ou as ruínas de Panóias em Vila Real.

 A herança medieval é também intensa e profunda. Castelos como o de Numão, Marialva, Penedono e o Palácio de Mateus recordam a cada instante, a importância estratégica que o Douro sempre assumiu na história. 

Percorrer o Douro é apreciar os seus conventos e igrejas, conhecer o seu artesanato rústico, saborear a sua genuína gastronomia, inflamar o espírito com o folclore das seculares romarias e retemperar, por fim, energias em milagrosas termas ou em repousantes hóteis, pousadas ou unidades rurais de alojamento.
 

 Visite o sitio: www.douro-turismo.pt


tags:

Publicado por UrbanPlan às 11:51
Link da Notícia | Comentar | Adicionar a favoritos
|

Segunda-feira, 3 de Março de 2008
1.0 Acção Social

  No decorrer do nosso projecto de sensibilização às camadas mais jovens, contactamos na passada semana todas as escolas públicas de Lamego, pelo que recebemos somente uma resposta negativa por parte da Escola da Sé.

Todas as restantes escolas particulares procederam  à sua integração na campanha, à excepção do Liceu (cuja resposta ser-nos-á somente facultada no dia 4 de Março).

 A campanha iniciar-se-á no dia de amanhã, sendo as expectativas para a mesma elevadas.

Despedimo-nos com votos de um enorme agredecimento a todas as escolas intervenientes, pelo calorosa receptividade e boa-vontade com que nos receberem. A todos os docentes das mesmas, o nosso bem -haja.

"É em pequenos actos e gestos, tão simples como um sim ou não, em que se visualiza o verdadeiro valor absoluto do Homem"

 

 



Publicado por UrbanPlan às 11:55
Link da Notícia | Comentar | Adicionar a favoritos
|

Segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2008
ICP 1.0 Acção Social

  A elobaração de todos os preparativos para a recolha de bens já foi concluida.

Temos igualmente inquirido a população lamecence acerca deste mesmo tema (Acção Social).

Os resultados serão expostos brevemente após serem analisados.

Atenciosamente,

                                 UrbanPlan

 



Publicado por UrbanPlan às 16:15
Link da Notícia | Comentar | Adicionar a favoritos
|

Sexta-feira, 8 de Fevereiro de 2008
ICP: 1.0 Acção Social

Intervenção a Curto Prazo

1.0 Acção Social:

 

  A intervenção social é um dos campos mais mediáticos da actualidade quer devido à magnitude que possui na sociedade de países mais evoluidos quer devido ao vasto leque de subcampos que engloba. 

 

Em Lamego existem diversas associações que trabalham neste sector, das quais destacamos:

Associação pela Infância e Terceira Idade de Lamego

Associação Pais e Amigos do Cidadão Deficiente

APITIL - Associação para a Infância e Terceira Idade de Lamego

  Apesar da existência de um grande número de instituições público e privadas neste sector, a sua falta de divulgação assume-se como um factor crucial. Cremos igualmente que, nestas mesmas instituições (substancialmente as relacionadas com a 3ª idade cuja esmagadora maioria é de carácter privado) os idosos que possuam maiores dificuldades financeiras sejam discriminados. Por conseguinte, o grupo UrbanPlan em cooperação com a Santa Casa da Misericóridia de Lamego irá proceder a uma recolha de materiais que se encontrem em boas condições pelas seguintes escolas de Lamego: Colégio de Lamego, Liceu Latim Coelho, Escola E.B. 2,3 / S da Sé.

  Os materiais preferenciais são roupas (de qualquer tamanho), brinquedos e utensílios úteis (manuais escolares, capas e mochilas por exemplo).

  A recolha de todos os materiais doados será realizada dia 9 de Março, a partir das 14:00 horas.  Após recolhidos serão entregues à Santa Casa de Misericórdia de Lamego, onde serão posteriormente distribuidos pelas pessoas mais carenciadas.



Publicado por UrbanPlan às 22:03
Link da Notícia | Comentar | Adicionar a favoritos
|

Intervenção A Curto Prazo

   O grupo UrbanPlan, de modo a poder contribuir beneficamente para a cidade, tentará dar

um pouco da sua graça, fortificando a sua relação para com os lamecences. Serão realizadas, por conseguinte, uma série de actividades empreendedoras que visam não

somente a sensibilização de um certo público-alvo como igualmente o contacto com a população em geral.

Devido às nossas limitações, todo o fruto deste projecto exercerá somente um beneficio a

curto prazo.

 A ordem de trabalhos abordará as seguintes temáticas, por ordem cronológica:



Publicado por UrbanPlan às 17:16
Link da Notícia | Comentar | Adicionar a favoritos
|

Informação Adicional
Apoios
Últimas Novidades

Cartaz

Lamego vs Régua

Casa de Sto. António

Caves da Raposeira

Escola de Hotelaria e Tur...

Região de Turismo Douro-S...

1.0 Acção Social

ICP 1.0 Acção Social

ICP: 1.0 Acção Social

Intervenção A Curto Prazo

tags

todas as tags

Arquivo

Junho 2008

Maio 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Visitados